Dieta paleo para atletas | Paleodieta para atletas

Alguns atletas olham com desconfiança para a dieta paleo, especialmente por seu baixo conteúdo em hidratos de carbono e a ausência de lácteos. No entanto, trata-se de seguir uma paleodieta adaptada, para atletas, com o fim de tirar o maior rendimento possível para esta dieta, conhecer seus benefícios e aplicá-los à rotina esportiva diária.

No Paleotraining e a dieta paleo para atletas, é importante aumentar a ingestão de hidratos de carbono e proteínas antes dos treinos (batatas, arroz branco, abóbora, banana,…), enquanto que o resto dos dias você pode continuar com a dieta paleolítica normal.

Além de consumir os alimentos próprios da dieta paleo, é conveniente aumentar a ingestão de hidratos de carbono antes de praticar qualquer esporte. A paleodieta adaptada para os atletas, que se caracteriza pelo consumo de um extra de carboidratos na dieta diária para monitorar os níveis de energia, especialmente entre uma e duas horas antes dos treinos.

Este extra de hidratos de carbono na dieta paleo inclui:

  • Arroz branco (não integral)
  • Leite gordo, queijo curado, iogurte natural
  • Tubérculos: batata, batatas-doces, etc.
  • Legumes: grão-de-bico, ervilhas, lentilhas, feijão, etc.
  • Legumes e hortalizasaltas em carboidratos: cenoura, abóbora, beterraba, etc.
  • Frutas altas em hidratos de carbono: bananas, morangos, cerejas, etc.

Se você quiser começar a dieta paleo, recomendamos que o faça, pouco a pouco, eliminando a cada semana um dos alimentos “proibidos”, e que consulte previamente com seu nutricionista, já que poderá notar um cansaço generalizado diante da falta de açúcar.

Compartilhe isso: